Sistema de RPG num jogo de ação não Ubisoft!

thedivision-malditosinvasores

Sempre tem um detalhe que estraga um grande jogo, no caso do The Division é o seu “mal pensado” sistema de RPG.

Na E3 desse ano foi anunciado pela Ubisoft mas um grande jogo da franquia Tom clancy’s, que no caso é The Division. O game será a franquia da nova geração de consoles (Mas é claro que depois eles irão lançar mais jogos, tendo em vista a quantidade de jogos da série que existem no XBOX 360) e com isso ele terá um gráfico mais poderoso do que os jogos da série lançados até agora.

Baseado na obra de Tom Clancy, The Division é um “RPG de ação com mundo aberto”. O game se passa em Nova York quando um surto viral quase levou a civilização ao seu colapso. De acordo com Antoine Emond, a companhia está planejando um sistema baseado na web para dar suporte aos clãs que surgirem no game e deve haver um limite para o número de jogadores que podem se unir a um clã em particular.

“Exploração, objetividade e progressão do personagem são essenciais. Você pode juntar-se com um grupo de amigos em modo cooperativo e entrar e sair [de uma partida] a qualquer momento. Em algumas áreas, você também pode perfeitamente entrar em partidas PvP e experimentar situações de suspense onde o perigo pode vir de qualquer lugar e qualquer um”, acrescentou Emond.

Está bem, o jogo é lindo e maravilhoso, mas por que diabos um sistema de RPG em um jogo de ação!? Eles não podiam fazer simplesmente como no Ghost Recon é por apenas um sistema de personalização de armas bem organizado para o jogo? Pois se a proposta deles é ser realista, onde diabos já se viu pontos de dano saírem pipocando da cabeça de uma pessoa quando você atira nela, será que eles não aprenderam com o gigantesco erro que foi o Dead Island, jogo que por sinal foi uma das maiores decepções desses últimos 5 anos.

Segundo o  game designer de The Division, Mathias Karlsson, o principal destaque do jogo é aproveitar o potencial da nova geração para criar uma experiência nova. “Quisemos trazer algo diferente daquilo que o público espera de um jogo do Tom Clancy. Pensamos em RPG de mundo aberto e totalmente focado em suas características online” ou seja eles estão querendo fazer um MMO de ação aos estilo APB? Porque é isso que está parecendo, aliais APB também foi outro game que afundou na lama com uma velocidade enorme.

O jogo ao meu ver tem uma boa possibilidade de “dar merda”, mas tendo em vista o nível de logica mostrado pelos atuais “Gamers” ele vai passar longe disso. Não estou dizendo que não irei jogar, só que eles não souberam adicionar um sistema convincente no jogo, fazendo ele perder um pouco de seu brilho.

O jogo continua sem previsão de lançamento, mas certamente será para a nova geração de consoles (Xbox One e PlayStation 4) e PC, obvi.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s